FINDECT defende o fortalecimento das relações sindicais e dos benefícios dos trabalhadores

Notícia publicada dia 09/07/2018

Tamanho da fonte:

A semana que passou foi pautada pelo debate sobre as relações sindicais e os benefícios dos funcionários dos Correios e contou com a presença da Federação Interestadual dos Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios (FINDECT) representada pelo seu presidente, José Aparecido Gimenes Gandara, o vice-presidente, Elias Brito (Diviza), o secretário-geral, Ronaldo Martins, o diretor jurídico, José Rufino e o dirigente do Sindicato do Maranhão, Pedro Nepomuceno.

A semana foi de intensas discussões sobre o Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) 2018. A supressão de itens como o vale cultura, vale peru, foram apresentados pela direção da empresa. Além disso, a empresa também tem a pretensão de impedir a representação dos trabalhadores, através da retirada do ônus para empresa das liberações dos representantes sindicais. A empresa também propôs a supressão da cláusula que trata do Postalis e modificar o desconto assistencial.

A direção da FINDECT registra que as propostas da empresa são mais um reflexo da reforma trabalhista que aprofunda o poder patronal sobre os trabalhadores e pretendem afastar, cada vez mais, a presença dos sindicatos e consequente defesa dos trabalhadores. “O sindicato forte é a melhor proteção aos trabalhadores. É a nossa arma para enfrentar os desmandos e impedir que nossos direitos sejam fraudados”, afirma o presidente Gandara.

Sônia Corrêa
Correspondente da FINDECT em Brasília

Compartilhe agora com seus amigos