Plenária de Delegados Sindicais tem desafio de unir a categoria e organizar a resistência

Notícia publicada dia 19/08/2019

Tamanho da fonte:

A atual situação é tão adversa pra os trabalhadores que unir, organizar e lutar é condição para resistir aos ataques e evitar danos e perdas!

A Diretoria do SINTECT-SP convoca os Delegados Sindicais para debater o complexo momento vivido pelos trabalhadores do país e a organização da categoria para lutar nessa Campanha Salarial.

Um dos objetivos é compor uma agenda de mobilização que envolva toda a categoria na luta e seja capaz de construir a resistência necessária para manter direitos e, na pior das hipóteses, evitar perdas e danos que joguem as conquistas vindas com anos de lutas dos trabalhadores dos Correios no lixo.

A situação atual é extremamente adversa para a classe trabalhadora, com uma correlação de forças desfavorável, em que o governo está com a iniciativa e desfere golpes sucessivos.

O alto desemprego e os ataques do governo aos direitos trabalhistas, à aposentadoria e às conquistas democráticas criam um clima de guerra declarada. Não esmorecer, se unir, lutar e resistir é uma necessidade histórica. Sem isso as perdas serão enormes e de difícil recuperação futura.

A reforma da Previdência é um exemplo de investida do governo e necessidade de resistência. Bem como a MP 881, que rebaixa diretos trabalhistas e derruba garantias de defesa do meio ambiente, regulamentações e fiscalizações, tudo para amplia os lucros empresariais.

Há também o ataque ao patrimônio nacional, com o governo declarando repetidamente que pretende vender tudo, começando pelos Correios.

Tudo isso mexe com a vida e o futuro de toda a classe trabalhadora. Por isso o SINTECT-SP colocará em debate estratégias de mobilização e luta para superar os desafios que serão enfrentados daqui para frente.

Por isso reforça o chamado à participação efetiva de todos(as) os(as) Delegados(as) Sindicais na plenária que será realizada no dia 24 de agosto, às 14h, no Auditório da sede do SINTECT-SP.

Os temas em debate serão:

• Análise de Conjuntura;

• Campanha salarial;

• Privatização dos Correios;

• Plano de saúde;

• Outros informes e encaminhamentos.

A luta e a resistência em defesa dos Correios, pela garantia dos direitos, valorização dos salários, em defesa do emprego e dos direitos exige unidade e participação de todos! O momento chegou! Ninguém pode ficar fora da luta!

A Diretoria do SINTECT-SP conta com a presença e a participação de todos(as), pois só a unidade e a mobilização poderão garantir vitórias para a categoria!

Compartilhe agora com seus amigos