Ata da Audiência de Conciliação, do dia 25/09, em que o TST propõe R$ 60 lineares

Notícia publicada dia 26/09/2012

Tamanho da fonte:

Segue ao final do texto abaixo a Ata da Audiência de Conciliação ocorrida ontem no TST, em que a Ministra Kátia Arruda propõem uma nova proposta de aumento linear de R$ 60,00, novamente recusado pela ECT, que não apresentou nenhuma outra proposta, mantendo-se intransigente.

Nesta ata também pode ser verificado o esforço do representante do Ministério Público do Trabalho para que se chegue à um Acordo, e sua preocupação com a saúde dos trabalhadores, tão desprezada pela direção da ECT, que quer atacar o nosso Plano de Assistência Médica.

Por fim, pode ser confirmado nessa Ata que os Sindicatos Unificados, (São Paulo, Rio de Janeiro, Bauru e Tocantins) estão presentes em todo o processo de negociação com a direção da ECT, sendo que das 25 reuniões para debater o Acordo Coletivo, 9 foram realizadas entre  os Sindicatos Unificados e a ECT. Destacando-se ainda nesta Ata, que a postura do Ministério Público é clara, de que os Sindicatos Unificados são os únicos que podem representar legitimamente as suas bases.

Clique neste link e acompanhe na íntegra a Ata oficial do TST da Audiência de Conciliação realizada no dia 25/09/2012

SINTECT/SP – GESTÃO RESPONSABILIDADE E + CONQUISTAS

Compartilhe agora com seus amigos