CDD Itapecerica continua em greve contra negligência da GERAE e da Direção da ECT

Notícia publicada dia 30/07/2018

Tamanho da fonte:

Os companheiros reivindicam a instalação do CDD na cidade, pois ele foi alocado em Santo Amaro há um ano devido a um incêndio no prédio anterior.

É difícil de acreditar, mas vai fazer um ano que os companheiros(as) do CDD Itapecerica estão alocados “provisoriamente” no CTC Santo Amaro. Foram para lá em situação emergencial, depois que o prédio em que estavam pegou fogo, e lá estão até hoje.

Os trabalhadores e o Sindicato foram inclusive atrás de um prédio para o setor. Fizeram o trabalho da empresa, encontraram e informaram à sua direção. Mas ela demorou tanto para encaminhar os papéis que o prédio foi alugado a outro interessado.

É muita má vontade e desprezo pelo trabalhador(a) e suas condições de trabalho! A direção da empresa não está nem aí que eles estejam percorrendo mais de 20 km até a chegada na cidade, assim como mais de 1h45m para chegar aos distritos e começar a distribuição.

Todos na luta!

Assim como os companheiros de Itapecerica, os do CDD Capão Redondo podem paralisar a qualquer momento. E vários outros setores da zona sul devem entrar em greve ainda essa semana por motivos relacionados ao abandono da empresa, más condições prediais, ambientais e de trabalho, não emissão de CATs, falta de segurança, excesso de serviço e falta de funcionários, SDs mal feitos, DDA, entre outros.

A Diretoria do SINTECT-SP chama todos os trabalhadores de todas as unidades a entrarem na mobilização, seguindo o exemplo dos companheiros de Itapecerica e das demais unidades que estão na luta!

Compartilhe agora com seus amigos