#SAIUNAMÍDIA – SINTECT-SP denuncia descaso da direção da ECT com os Trabalhadores à grande mídia

Notícia publicada dia 23/03/2017

Tamanho da fonte:

As denúncias feitas pela imprensa do Sindicato de São Paulo às rádios Globo, Record, Band news e CBN, denunciando o descaso da empresa com os trabalhadores e clientes, têm repercutido e muito.

Inclusive denunciando a entrega alternada de cartas (DDA), falta de contratação de funcionários mediante concurso público, fechamento das agências, suspensão das férias dos TRABALHADORES até abril de 2018 e também a irresponsabilidade da gestão da ECT em sucatear a empresa pra justificar uma privatização.

Estamos tomando muito cuidado ao falar aos veículos de comunicação, tendo em vista que de alguma forma eles querem apenas denunciar à má prestação de serviços e não a realidade atual que os trabalhadores dos Correios vem enfrentando nos seus setores de trabalho.

Confira entrevista do Diretor de Comunicação da FINDECT e do SINTECT-SP, Douglas Melo, à rádio Bandeirantes:

Clique aqui e ouça

Existe um forte discurso da mídia em passar uma ideia que os serviços públicos não funcionam e é importante que os sindicatos de todo país saibam lidar com isso e responder as perguntas de uma forma que venham resguardar os trabalhadores, até mesmo na questão das greves, onde informamos que nos últimos anos as paralisações são para conquistar a melhoria nas condições de trabalho e melhora na prestação de serviços aos clientes, tendo em vista que a empresa faz vista grossa.

O SINTECT/SP através da equipe de comunicação estará fazendo um papel fundamental na divulgação e denúncias tanto no site quanto nas grandes mídias.

Precisamos fazer um comunicado unificado das duas federações e enviar aos grandes veículos de comunicação nacional, somente dessa forma poderemos denunciar e explicar a toda população a real situação dos Correios atualmente e, consequentemente trazer a população para o nosso lado e lutarmos juntos contra os grandes ataques que estamos sofrendo por parte desse governo que desde o primeiro dia que tomou de assalto a presidência bem adotando um discurso de estado mínimo, cortes em todas as áreas, privatizações e reformas na previdência e trabalhista, retirando assim todos os nossos direitos.

SECRETARIA DE IMPRENSA DO SINTECT/SP

Compartilhe agora com seus amigos