SINTECT-SP debate problemas e reivindicações da categoria com a direção da ECT

Notícia publicada dia 22/05/2019

Tamanho da fonte:

O Presidente do SINTECT-SP e Vice-presidente da FINDECT, Elias Diviza, se reuniu com representantes da do Departamento de Relacionamento Organizacional, DEREO/DIGEP, no dia 21 de maio em Brasília. A reunião foi requerida pelo Sindicato para apresentar, debater e negociar problemas e reivindicações da categoria.

Um dos pontos levantados por Diviza foi a privatização dos Correios. Ele deixou clara a posição dos trabalhadores sobre a importância da manutenção dos Correios público e de qualidade. Lembrou declarações do presidente da empresa, no mesmo sentido, e solicitou sua participação e dos demais Diretores da ECT na Audiência Pública participação em defesa dos Correios que acontecerá no dia 05/06/2019 na Câmara dos Deputados.

Os representantes da Empresa se limitaram a enfatizar que o Presidente Gen. Juarez Cunha tem se manifestado publicamente sobre o assunto e iniciado tratativas com instituições financeiras a respeito de estudo sobre a abertura de parte do capital dos Correios (uma outra forma de privatização).

A Campanha Salarial foi outro tema abordado. O SINTECT-SP prevê a entrega da pauta de reivindicação da FINDECT para o ACT 2019/2020 no dia 05/06/2019. Mas lembrou que a data pode mudar, caso as duas federações da categoria decidirem pela entrega conjunta das suas pautas. Os representantes da empresa afirmaram o interesse de iniciar a negociação o mais breve possível, a fim de conclui-la antes do término da vigência do ACT atual.

O companheiro Diviza levou também a questão do Convênio Médico (Postal Saúde) para a mesa, para reforçar a reivindicação de permanência dos pais na assistência médica. Mas os representantes da empresa se limitaram e não se posicionaram. Disseram apenas que o tema está sendo mediado pelo TST e que as discussões sobre o assunto se darão no tribunal.

A suspensão de escolta armada e o fechamento de agências em regiões da SE/SPM também foram colocadas em debate pelo presidente do Sindicato. Diviza cobrou posicionamento e respostas claras às inúmeras dúvidas geradas pela ação unilateral da empresa, sem discussão, negociação e nem mesmo aviso antecipado. Os representantes da ECT concordaram em agendar uma reunião do Sindicato e as áreas técnicas responsáveis pelas mudanças em data prevista entre os dias 04 e 06/06/2019.

SINTECT SP em defesa do Correios público e para todos!


Clique aqui e confira a ata desta reunião


 

Compartilhe agora com seus amigos