Direção dos Correios tenta dar golpe no Postal Saúde, mas categoria se mobiliza e impede

Notícia publicada dia 25/10/2019

Tamanho da fonte:

Mobilização em Brasília na quinta, 24/10, fortaleceu a luta para impedir que a direção da empresa tentasse alterar o estatuto para impor retrocessos e prejudicar os trabalhadores!

A direção da ECT usou o presidente do Conselho, para tentar impor suas propostas retrógradas. Ela queria que fosse aprovada a decisão da reunião de sua diretoria, em vez do Conselho Deliberativo do Postal Saúde.

Em linha gerais, a intenção da direção da ECT era acabar com a democracia, impedindo a candidatura de dirigentes sindicais aos Conselhos Deliberativo e Fiscal. Também queria tirar a obrigação da ECT de manter o plano, mudando a condição de mantenedora para de patrocinadora, e assim colocar todo o custo nas costas do trabalhador. E queria, ainda, liberar a indicação, por ela, de pessoas estranhas à categoria para gerir o Postal Saúde, abrindo a possibilidade de controle por agentes privados!

Trabalhadores ocupam Brasília

Cientes do risco, a FINDECT e seus sindicatos filiados enviaram ônibus com sócios e dirigentes para fortalecer essa luta de resistência. Vários outros Sindicatos fizeram o mesmo, o que resultou numa grande e representativa mobilização dos trabalhadores.

O presidente do plano de saúde tentou aprovar a proposta da direção da ECT. Foi autoritário e tentou manobrar, mas os trabalhadores reagiram e impediram. A proposta foi rejeitada pelos beneficiários presentes por unanimidade.

Mas é preciso se manter atento e mobilizado!

Provavelmente a direção da empresa vai tentar impor esses retrocessos novamente, pois sua intenção, orientada pelo governo, é colocar todo custo do Plano Médico nas costas dos trabalhadores e entregar a carteira para os gestores de planos privados!

FINDECT na luta em defesa do plano de saúde!

Por um Correios Público, 100% Estatal e de Qualidade!

Compartilhe agora com seus amigos