Campanha Salarial 2015/2016: FINDECT participa de reunião com a ECT para dar inicio às negociações

Notícia publicada dia 08/07/2015

Tamanho da fonte:

Na manhã desta quarta-feira, 8 de julho, a FINDECT participou de reunião na sede da ECT para dar início às Negociações para a Campanha Salarial 2015 mesa_negociacao_findect_correios_sintect_673_zyon

Conforme informado anteriormente, a pauta de reivindicações já foi entregue à ECT há quase um mês, e espera que a empresa seja ágil na apresentação de respostas e propostas para a categoria. Concentrando esforços para que as negociações sejam rápidas e as reivindicações da categoria atendidas.

O objetivo desta reunião, conforme carta enviada pela Empresa à Federação (clique aqui e leia a carta), é o de estabelecer como acontecerão as negociações deste ano. A metodologia, quando, onde e de que forma acontecerão as Mesas de Negociações.

campanha (2)

A FINDECT cobrou ainda que a ECT respeite o que foi decidido no IV Congresso, liberando os Presidentes, ou secretários-gerais, de cada um dos Sindicatos filiados, além do Presidente da Federação, para participar da Mesa de Negociações. Cobrou também a liberação dos membros dos Comitês Temáticos para a construção das Mesas Temáticas.

diviza_campanha_2015

Foi informado que a FINDECT é legitima e legalmente constituída e apta a representar os Sindicatos de São Paulo, Rio de Janeiro, Bauru, Tocantins, Rio Grande do Norte e Rondônia, conforme decisão da 17ª vara do Trabalho de Brasília.

Clique aqui e leia a ata desta reunião.

Estas são as principais reivindicações da categoria na Campanha Salarial 2015/2016:

– Reposição integral da inflação (estimada em 9%) mais aumento real de 10%

– Implantação imediata da entrega matutina em todos os CDDs do país

– Realização de Concurso Público e contratação de mais funcionários já

– Reajuste no Vale Alimentação para R$ 40,00

– Reajuste no Vale Cesta para R$ 387,00

– Seguro de vida para motorista, motociclista, ott’s, operador de empilhadeira/transpaleteira e operador de RX;

– Aumento no quebra de caixa para R$ 427,95

– Reajuste no diferencial de mercado, conforme cálculo do DIEESE, para corrigir as perdas provocadas pela inflação e incorporação ao salário

– Manutenção do Ticket extra (Vale Peru)

– Adicionais de atividades para todos os trabalhadores, inclusive para trabalhadores com restrição médica ou que trabalhem internos

– Aumento de 15 para 25% para o Adicional do Trabalho aos finais de semana (Sábado)

– Cálculo para o pagamento das horas-extras e adicional noturno sobre o salário bruto

– Abono acompanhante de 6 para 12 dias

– Manutenção da função em caso de retorno de afastamento pelo INSS

– Medidas efetivas de Saúde e Segurança para os trabalhadores

– Manutenção das cláusulas pré-existentes

Clique aqui e leia a pauta na íntegra

Compartilhe agora com seus amigos